Em partida de nove gols, São Paulo bate Chivas, mas fica fora da final da Copa Independência Sub-17

O São Paulo entrou em campo na tarde desta quinta-feira contra o Chivas Guadalajara já sabendo que não brigava mais pelo bicampeonato da Copa Independência Bicentenário. Mesmo assim, a equipe se mostrou aguerrida e fez o melhor duelo do torneio, que terminou 5 a 4 para o tricolor paulista.

O Boca Juniors entrou em campo mais cedo, às 13h, venceu o Monterrey por 2 a 1 e tirou o São Paulo da briga pelo título. Apesar disso, no jogo das 15h a torcida argentina foi toda para o São Paulo, pois o Chivas era a única equipe que poderia tirar a vaga do Boca na final.

Precisando vencer para chegar na última rodada com chances de disputar o título, o Chivas saiu na frente e chegou a abrir dois gols de vantagem.

O São Paulo correu atrás do resultado e virou o jogo com gols de Pedrinho, Romário e Lucas Pajeu.

Time base da seleção mexicana campeã mundial Sub-17, o Chivas voltou a ficar na frente e marcou mais duas vezes, virando o jogo em 4 a 3.

Só que no final do jogo o São Paulo teve um pênalti a seu favor: Ademilson cobrou e empatou a partida. Apenas dois minutos depois, Ademilson recebeu na entrada da área e bateu forte para definir o placar.

Com o triunfo tricolor, brasileiros e argentinos comemoraram. O São Paulo celebrou a vitória e os argentinos a vaga garantida do Boca Juniors na grande final.

Com o 5 a 4 sobre o Chivas, o São Paulo chegou a seis pontos na competição. O Boca, líder isolado do Grupo A, já tem dez.

Na sexta-feira o tricolor enfrenta o Monterrey às 13h e precisa vencer ou torcer para que o Chivas não vença o América às 15h para ao menos participar da disputa do terceiro lugar.

This entry was posted in Copa Bicentenário. Bookmark the permalink.

3 Responses to Em partida de nove gols, São Paulo bate Chivas, mas fica fora da final da Copa Independência Sub-17

  1. helder9 says:

    Valeu Gabriel!

  2. Esse ano ele chegou a treinar com o time de cima já. Em janeiro vai jogar a Copa São Paulo e ai não posso dizer se vai jogar com os principais ou não, mas duvido que não deixem ele treinando com o time de cima.

  3. helder9 says:

    Ademílson deixando sua marca de novo.

    Gabriel, o Ademílson vai demorar para treinar com o time principal?

    Abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>