Prévia: São Paulo x Desportivo Brasil – a final do Paulista Sub-15

Um time empresa e um tradicional chegaram a final do Paulista Sub-15 2011. São Paulo e Desportivo Brasil vão se enfrentar em um confronto de ida e volta para decidir quem leva o caneco do estadual da categoria.

O Desportivo Brasil é a melhor equipe do torneio. Além de ter a melhor campanha geral, tem também o melhor ataque, com 86 gols, venceu 23 e perdeu apenas duas vezes durante toda a competição, consagrando-se como o time com mais vitórias e menos derrotas. Uma campanha impecável, que dá ao Desportivo o direito de decidir em casa e jogar por dois resultados iguais.

Além de todos esses fatores, o histórico recente de confrontos entre os dois times também vai a favor do time gerido pela Traffic. Nas duas vezes que São Paulo e Desportivo se enfrentaram, o time de Porto Feliz levou a melhor. As duas foram na primeira fase.

Bruno Gomes, artilheiro do campeonato

No primeiro jogo, no CT Traffic, um único gol, marcado por Bruno Gomes, assegurou a vitória do Desportivo Brasil.

Na segunda partida o tricolor queria dar o troco, jogando no CT de Cotia, mas não foi o que aconteceu. Bruno Gomes marcou mais uma vez e o Desportivo ganhou de novo por 1 a 0.

Carrasco do São Paulo, Bruno Gomes é o artilheiro isolado do Paulista Sub-15 com 28 gols. Ele está apenas quatro de distância do recorde da competição: 32 gols, estabelecido em 2010 por Hugo Ragelli, do Palmeiras, que neste ano é o vice-artilheiro do Paulista Sub-17 com 19 gols.

O trio de Brunos é essencial no time do Desportivo. Além do artilheiro Bruno Gomes, a equipe ainda conta com o zagueiro Bruno Cunha e o meia Bruno Campos, que faz a contensão e a armação das jogadas.

Elvis Garcia é o camisa 10 e o responsável pela ligação, o famoso enganche. Tem muitos créditos pelos gols de Bruno Gomes.

O São Paulo chegou na final depois de surpreender todos com uma goleada histórica sobre o Santos por 6 a 0.

Léo Kalil vestiu a 9 contra o Santos e teve grande atuação

Os grandes nomes da partida foram Léo Kalil, Bruno Silva e Joanderson, que foram os autores dos gols. Só Joanderson fez quatro. Léo Kalil deu assistências, além de marcar o seu e Bruno também deixou sua marca e deu assistências.

Infelizmente, para o tricolor, dos três, apenas Kalil vai participar dos dois jogos da final. Joanderson, Bruno e o meio-campista Matheus Queiróz vão integrar a seleção a partir de sexta-feira, dia 18, um dia antes do primeiro jogo da final. Eles vão disputar o Nike Friendlies.

Pro São Paulo, que também não conta com o zagueiro Lucas Cavalcante, que está desde 17 de outubro com o outro grupo da seleção sub-15, que vai disputar o Sul-Americano da categoria, é uma perda e tanto.

Joanderson, o craque do São Paulo sub-15 em 2011

Joanderson é o principal nome do time neste ano. Já tem 22 gols no campeonato e é o artilheiro do tricolor por muito. Ewandro aparece em segundo com dez gols. O camisa 11 é o cara do tricolor sub-15. Joga fora da área, dribla fácil, mas é alto e forte, também brilha na hora de ser matador.

Bruno Silva subiu muito de rendimento e com a camisa 7 tem sido o companheiro ideal de Joanderson. Os dois se ajudam muito, mas ele também vai pra seleção, então continua uma grande perda para o tricolor, além de Queiroz, o armador das jogadas do São Paulo.

O tricolor vai ter que se segurar em outros nomes, como o próprio Léo Kalil, que pode jogar nas vagas deixadas por Bruno e Joanderson. Na forte zaga com Lucas Kal e o gigantesco Polidoro.

Bruno Silva subiu de produção na fase final e se tornou essencial

O tricolor, claro, tenta a liberação dos atletas, ao menos para que joguem o primeiro jogo. A confiança é tanta, que os três convocados estão treinando entre os titulares para o jogo deste sábado.

Se os garotos tricolores entrarem em campo neste sábado com a mesma vontade e raça que mostraram contra o Santos na semifinal, vai ser muito difícil tirar o caneco das mãos do time de Cotia, mesmo com toda a qualidade técnica apresentada pelo Desportivo Brasil durante toda a competição.

São Paulo e Desportivo Brasil começam a decidir o Paulista Sub-15 neste sábado, às 9h, no CFA de Cotia. A entrada é franca.

This entry was posted in Paulista Sub-15, Uncategorized. Bookmark the permalink.

One Response to Prévia: São Paulo x Desportivo Brasil – a final do Paulista Sub-15

  1. Os selecionáveis têm de jogar, para ajudar o Tricolor a garantir um bom resultado, visando a partida decisiva no CT da TRAFFIC. Sem eles, as chances de título diminuem bastante, pois, lógico, são teoricamente os quatro principais nomes são-paulinos.

    Que viajem ao Rio de Janeiro (creio) na tarde do dia 19! Pouco perderiam com relação à preparação para a Nike Friendlies devido o pequeno atraso.

    Enfim, torço para que o pedido de liberação seja atendido e, então, o São Paulo possa jogar pelo menos a primeira partida da finalíssima do Campeonato Paulista sub-15 com sua força máxima (a exceção é a ausência do Lucas Cavalcante). Seria bom para o espetáculo e até, pensando pelo lado do adversário, valorizaria a conquista do Desportivo Brasil, caso venha a ocorrer.

    Mudando o tema, devo dizer que impressionam-me os comentários acerca a capacidade de Joanderson em executar dribles. Poxa… Se ele já é alto e goleador, e ainda por cima tem facilidade para driblar, trata-se de uma pedra preciosa mesmo. Talvez eu esteja sendo precipitado na afirmação (podem até me corrigir a respeito), mas creio que possa ser qualificado como o maior talento da base tricolor, depois de Ademílson, que provavelmente integrará o elenco profissional no ano que vem, pós disputa da Copa São Paulo de Futebol de Juniores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>