Brasil vence Colômbia e fica muito perto do título do Sul-Americano sub-15

Mosquito comemora o segundo gol do Brasil

Pelo segundo jogo do quadrangular final do Sul-Americano sub-15, o Brasil enfrentou a Colômbia e conseguiu a vitória por 4 a 2.

O resultado colocou o Brasil bem perto do título. Agora basta um empate contra o Uruguai, anfitrião da competição, ás 21h10 deste domingo para confirmar a conquista. O fato é que ninguém mais pode ultrapassar os seis pontos do Brasil, que tem quatro de saldo de gol.

Foi a segunda vez que as duas equipes se encontraram na competição, na primeira fase a seleção brasileira não esteve bem e tudo terminou empatado em 0 a 0. A história foi bem diferente nesse segundo jogo, muito mais emocionante.

Matheus Índio abriu o placar em uma cobrança de falta precisa aos seis minutos de jogo.

Ainda no primeiro tempo, aos 19, Thiago Mosquito aproveitou o cruzamento de Foguete e desviou de joelho para ampliar.

O jogo estava tranquilo para os garotos do Brasil, que dominavam as ações. No entanto, aos 22 minutos, Baiano deu uma entrada violenta no adversário. Uma solada na altura do joelho, que rendeu a expulsão direta para o defensor brasileiro.

Com um a mais em campo a Colômbia pressionou e desperdiçou chances, algumas delas graças a ótima atuação do goleiro Marcos, que no segundo tempo brilhou, não só nas defesas. Ele deu duas ‘assistências’, que garantiram a vitória.

Logo no início da segunda etapa a situação ficou complicada para o Brasil. A Colômbia diminuiu em um belo chute de Rodríguez.

A Colômbia passou a pressionar em busca do empate.

O Brasil ganhou tranquilidade novamente nos pés de mosquito. Ele aproveitou o lançamento do goleiro Marcos, ganhou a disputa de bola com o zagueiro adversário e fez o terceiro gol do Brasil.

Já nos cinco minutos finais a Colômbia colocou fogo no jogo e diminuiu mais uma vez o placar.

Somente aos 45, Marcos fez outro lançamento, dessa vez pra Kennedy, que entrou justamente no lugar de Mosquito. O atacante do Fluminense ganhou na corrida do zagueiro, limpou a jogada, chutou da entrada da área e contou com uma pequena ajuda do goleiro para definir o resultado.

About Gabriel Fuhrmann

Jornalista formado desde 2011, especializado em futebol de base. Repórter da São Paulo FC Digital
This entry was posted in Seleções brasileiras, Sul-Americano Sub-15. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>