Fim do silêncio: Ex-São Paulo, Lucas Evangelista fala ao blog do Gabriel Fuhrmann

Atleta ficou sem falar com a imprensa por ordem da diretoria da Traffic, depois de ser tirado do São Paulo, agora, dois anos mais tarde, conta sobre toda sua trajetória ao jornalista Gabriel Fuhrmann

Lucas Evangelista com a camisa do Desportivo

O Blog do Gabriel Fuhrmann conseguiu o que ninguém tinha conseguido antes: entrevistou o jovem Lucas Evangelista, do Desportivo Brasil. Por causa da polêmica saída do São Paulo, o garoto até então estava proibido pela Traffic de dar entrevistas.

Aos 17 anos de idade, Lucas Evangelista vive o sonho de muitos garotos. Passou de uma simples escolinha de futebol de metalúrgicos, em Limeira para um dos jogadores brasileiros prometidos ao Manchester United da Inglaterra.

GF: Como foi sua caminhada até chegar ao São Paulo?

LE: Comecei aos oito anos de idade em uma escolinha dos metalúrgicos em Limeira. Com nove recebi o convite para fazer um teste no São Paulo, pois tinha me destacado em um torneio para jogadores mais velhos, mas acabei não passando. Com 11 anos eu recebi outra oportunidade no São Paulo e aí deu certo, graças a Deus. Como eu era muito novo, não podia me alojar em Cotia e por isso treinava de segunda a sexta apenas, indo pra lá de carona com um amigo que também jogava lá e tinha muito mais condições financeiras do que eu. Fiz isso durante três anos.

GF: E a sua saída do São Paulo? O que exatamente aconteceu?

LE: Quando eu completei 14 anos eu já poderia morar em Cotia, mas o São Paulo demorou. Foi aí que o Desportivo apareceu, me acolheu, deu apoio e oportunidade. Depois da Copa Votorantim (2010) o São Paulo me procurou, me ofereceu um contrato agradável e eu resolvi voltar e assinar. Só que as vésperas de assinar, o Desportivo me ligou e apresentou uma nova proposta para mim, onde já estava incluso o projeto Manchester United. Senti firmeza na proposta e resolvi assinar com o Desportivo, na semana seguinte eu já estava treinando em Porto Feliz.

Ao lado de Anderson, em Manchester

Adendo: Para quem não conhece, o projeto Manchester United é a parceria entre Desportivo Brasil e a equipe inglesa. O Manchester escolhe jogadores e os deixa no Desportivo até eles atingirem a maioridade e poderem jogar fora do país, quando começam a treinar no Manchester, caso tenham cidadania européia, ou no Twente, da Holanda, caso ainda estejam a espera de receber o documento. Aguilar, Bruno Gomes e Patrick são alguns outros nomes selecionados, Lucas é o único escolhido depois de já estar no Desportivo.

GF: E como é participar desse projeto? Você já foi pra Manchester?

LE: Já fui pra Manchester sim. Quando eu vou pra lá, treino no CT, junto com outros garotos da base e às vezes faço alguns treinos com os profissionais. O fato de eu ser o único do projeto selecionado depois de estar no Desportivo não me dá vantagem e nem desvantagem.

GF: Como você se define como jogador?

LE: Me defino como um jogador inteligente. Gosto de dribles em velocidade e todos os treinadores com quem trabalhei falaram que sou um atleta muito intenso. Me inspiro na visão de jogo do Ganso.

GF: Quem é seu maior ídolo?

LE: Meu maior ídolo é o Ronaldo Fenômeno, pois além de ser muito humilde, ele passou por várias lesões e deu a volta por cima. Pouco tempo atrás eu machuquei o tornozelo e deixei de ir pra uma das viagens à Manchester. Aquilo me abalou demais e foi então que percebi como o Ronaldo foi forte, fora o futebol mágico que ele apresentava em campo.

Confira a matéria sobre o atleta para o site olheiros.net: O Lucas que não ficou

About Gabriel Fuhrmann

Jornalista formado desde 2011, especializado em futebol de base. Repórter da São Paulo FC Digital
This entry was posted in Promessas do futebol and tagged . Bookmark the permalink.

One Response to Fim do silêncio: Ex-São Paulo, Lucas Evangelista fala ao blog do Gabriel Fuhrmann

  1. rica says:

    Ele é o único que passou, o resto do Deportivo Brasil se ferrou….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>