Chegou o novo nove no Fogão?

Um capítulo importante da história do futebol brasileiro pode ter sido escrito ontem. A consolidação de uma jovem promessa

Na noite de ontem pode ter acontecido um fato histórico no jogo Vasco x Botafogo, mas quase ninguém prestou atenção. A grande maioria não se atentou por desconhecimento, claro, então vamos colocar as claras o que pode ter sido o primeiro grande passo de uma grande carreira.

Bruno Mendes com a camisa da Seleção

Bruno Mendes é o nome do jogador que decidiu o clássico na noite de ontem aos 18 anos de idade. Revelado no Guarani, onde teve papel decisivo na boa campanha no Campeonato Paulista deste ano, o jovem foi uma das peças favoritas de Ney Franco na Seleção Sub-20. Com a amarelinha desempenhou bom papel em torneios amistosos.

 

O Desempenho do atacante pelo Guarani e pelas Seleções de base, o credenciou como uma das boas promessas do futebol brasileiro. Um dúvida, no entanto, persistiu na cabeça de muitos: “E em um time grande, como seria?”.

A resposta veio ontem. Com cerca de um mês de Botafogo, Bruno Mendes encarou seu primeiro clássico e brilhou. Marcou dois gols e decidiu o jogo para o Botafogo. Uma atuação de gala do atacante.

Uma situação que vem bem a calhar para o Fogão, que já não tem um camisa 9 há algum tempo. Que tem que improvisar Elkeson na área.

É possível sim. É possível que a noite de ontem tenha sido a primeira grande noite de uma carreira brilhante. Olhos cada vez mais abertos em Bruno Mendes, que praticamente crava seu nome para o Sul-Americano Sub-20 do ano que vem, independente de quem será o treinador da Seleção.

 

About Gabriel Fuhrmann

Jornalista formado desde 2011, especializado em futebol de base. Repórter da São Paulo FC Digital
This entry was posted in Uncategorized and tagged . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>