Com dois são-paulinos, Carlos Amadeu convoca Seleção para o Mundial sub-17

O treinador da Seleção Brasileira sub-17 anunciou nesta quarta-feira a sua lista com 23 nomes para o Mundial da categoria, que será realizado em outubro, no Chile

Nesta quarta-feira o técnico Carlos Amadeu anunciou a sua lista de convocados para o Mundial sub-17, que acontecerá em outubro, no Chile.

Carlos Amadeu (foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Carlos Amadeu (foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Em seu último torneio preparatório para o torneio mais importante do ano para a categoria, a Suwon Cup, disputada na Coréia do Sul, o Brasil conquistou o título, com duas vitórias e uma derrota. O time base, que venceu a partida final contra a própria Coréia do Sul por 2 a 0, era composto por: Filipe (COR); Kleber (FLA), Ronaldo (CRU), Éder Militão (SPO) e Rogério (INT); Guilherme (SAN), Andrey (VAS) e Lincoln (GRE); Evander (VAS), Leandrinho (PON) e Léo Jabá (COR).

Dessa formação, apenas dois jogadores não foram chamados para o Mundial, os corintianos Léo Jabá e Filipe. Fora isso, algumas ausências realmente foram sentidas por quem está mais acostumado a acompanhar as categorias de base.

Uma delas é o lateral Caíque Silva, do São Paulo, que esteve em praticamente todas as convocações da sub-17 e era titular absoluto da posição no Sul-Americano da categoria, quando o Brasil ainda era comandado por Caio Zanardi. Há algum tempo, porém, se falou muito sobre evitar convocar mais de dois atletas do mesmo clube para as categorias de base, com Militão e Liziero na lista, Caíque pode ter sido vitima de uma geração muito promissora do tricolor.

Outro nome presente no Sul-Americano e que todos acreditavam que estaria no Mundial é o meia Mauro Junior, do Desportivo Brasil. O jovem é o principal destaque do time de Porto Feliz junto com Marquinhos Cipriano, contratado recentemente pelo São Paulo. Mesmo sendo da categoria 99, um ano mais novo que os demais, Mauro já marcou oito vezes no Paulista e tem mostrado qualidade para jogar entre os mais velhos, algo que já havia provado no Sul-Americano.

Para completar a lista de ausências, está Matheus Pereira, do Corinthians, que já foi promovido ao time principal pelo técnico Tite e estreou no clássico contra o Santos, em jogo válido pela Copa do Brasil. Ele vinha de várias convocações para as Seleções de base e era o maior destaque da geração alvinegra.

Fica no entanto, a justa e grata surpresa do nome de Luís Henrique, atacante do Botafogo. Ele foi o maior destaque do time carioca no vice-campeonato da Copa do Brasil sub-17, que acabou conquistado pelo Vitória, do atacante Eron e do meia Geovane. O que nos traz outra vitima da orientação “não convocar mais de dois atletas da mesma agremiação”, que é o meia Yan Matheus, principal nome do time no título nacional.

O atacante Eron, porém, é um dos nomes mais contestados da lista. Muitos acreditam tratar-se de um jogador extremamente maturado e que tem o seu destaque baseado na vantagem física sobre atletas da mesma idade. Caso semelhante ao de Mosquito, da geração anterior, Eron tem força nas categorias inferiores, mas conforme o tempo passa e a maturação deixa de ser um diferencial, a falta de qualidade técnica cobra caro.

Em suma, é o típico jogador que deve se destacar até o sub-17, mas que costuma desaparecer quando chega ao sub-20 e raramente consegue qualquer oportunidade de grande porte entre os profissionais. A convocação é contestada porque Luís Henrique já faz muito bem a função de homem-gol para o time e outros nomes mais fortes tecnicamente, como Léo Jabá e o atacante Artur, do Palmeiras, poderiam ter recebido uma chance.

Os 23 atletas chamados por Carlos Amadeu se apresentarão no dia 28 de setembro na Granja Comary, mas apenas 21 viajarão para o Chile para a disputa do torneio. O Brasil estreia dia 17 de outubro contra a Coréia do Sul.

Confira a lista de convocados:

Goleiros: Juliano (CAP); Gabriel (FLA) e Lucas (CRU); 

Zagueiros: Éder Militão (SPO); Léo Santos (COR); Ronaldo (CRU); Nuno (Avaí) e Zé Marcos (CAP)

Laterais: Klebinho (FLA); Dodô (CTB) e Rogério (INT)

Meias: Makton (AMG); Guilherme (SAN); Liziero (SPO); Andrey (VAS); Geovane (VIT): Lincoln (GRE);

Atacantes: Matheus (AMG); Evander (VAS); Luís Henrique (BOT); Eron (VIT); Arthur (SAN) e Leandrinho (PON);

About Gabriel Fuhrmann

Jornalista formado desde 2011, especializado em futebol de base. Repórter da São Paulo FC Digital
This entry was posted in Promessas do futebol. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>