A tarde em que tudo foi simples como 1, 2, 3

O futebol é assim, são mais de 90 minutos que podem ser definidos em 1 lance ou 2. No Morumbi, na tarde do dia 1 de outubro, foi assim. 1 lance ou 2, em 1 minuto ou 2, os outros cerca de 96 minutos (considerando os acréscimos), só importam para os analistas.

Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

O placar é resumido pelo 1, que fez a diferença a favor do São Paulo. Na noite em que tudo foi 1, 2, 3, o São Paulo não tinha o camisa 1 em campo, aliás, já não tem de fato o camisa 1 faz certo tempo. Usou então aquele que é a junção de dois números do jogo, o 12 e ficou com ele a função de manter o único número importante que foi diferente. Garantiu o 0 do lado do Sport.

Quando tudo parecia encerrado, inclusive os acréscimos, o árbitro pediu mais 1 minuto. Não tinha tido emoção o suficiente pra história ainda, precisava de 1 minuto a mais. Sidão precisava de mais 1 minuto para o seu gran finale. O Morumbi era apenas 1, não havia mais diferença entre torcida e jogadores. O banco de reservas era apenas uma extensão das arquibancadas.

O gran finale veio em 2. Sim, foram 2 defesas maravilhosas em apenas 1 minuto. Foi Sidão transformando o Morumbi em 1 só voz, que gritava seu nome com força, com alegria e com lágrimas. Os torcedores que estavam no banco de reservas, correram para fazer o que todos os outros dezenas de milhares presentes no estádio queriam fazer: foram abraçar Sidão, ele merecia e muito. Também porque o 23 havia garantido o 1 para o São Paulo.

O futebol foi sofrível, como muito bem falou o Profeta após o jogo: “Foi uma das piores partidas que nós jogamos”, mas entre jogar bem e vencer, hoje o São Paulo precisa mesmo é de vitória.

Escrevi bem mais de 1, 2 ou 3 linhas, mas o resultado final de tudo isso que aconteceu, foi o mais importante para o São Paulo: 3 posições no campeonato, com 3 pontos conquistados.

About Gabriel Fuhrmann

Jornalista formado desde 2011, especializado em futebol de base. Repórter da São Paulo FC Digital
This entry was posted in Promessas do futebol. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>