Visado na Europa, Liziero tira passaporte italiano e pode deixar o São Paulo em 2019

Um dos destaques da boa campanha do São Paulo em 2018, o volante Igor Liziero pode não continuar no tricolor no ano que vem. O jovem, que tem chamado a atenção de clubes da Europa, finalizou os trâmites para adquirir o passaporte italiano nessa última semana.

A aquisição de um documento oficial europeu é um grande avanço para passos em uma carreira no futebol estrangeiro. Com isso, Igor Liziero não custaria uma cota de jogador extra-comunitário caso seja negociado com algum dos grandes clubes da Europa.

maxresdefaultSegundo pessoas próximas ao atleta, um negócio com um time do velho continente só não saiu agora porque o não houve tempo hábil entre o processo do passaporte e a janela de transferências, porém, uma negociação na próxima abertura da janela é quase inevitável.

Ter uma nacionalidade europeia é de extrema importância, especialmente se Liziero tiver desejo de atuar na liga inglesa, a mais rigorosa com atletas extra-comunitários, que chega a negar visto de trabalho para estrangeiros sem passagem por suas respectivas seleções. Entre os interessados no futebol do jovem estão Tottenham, Arsenal e Watford e o Spurs é um dos que mais avançou nas conversas pelo brasileiro.

Além dos britânicos, os alemães Borussia Dortmund e Schalke 04 e o francês Bordeaux também procuraram o staff do atleta para buscar mais informações.

Liziero renovou seu contrato com o São Paulo em abril deste ano, estendendo o vínculo de fevereiro 2020 para abril de 2023, o que aumentou a sua multa para o futebol brasileiro, mas o valor da multa para o futebol europeu não foi revelado. O que se sabe é que no antigo contrato, o clube estrangeiro que quisesse levar o jovem embora do São Paulo teria que pagar 30 milhões de euros e há especulação de que a nova multa seria de 50 milhões de euros.

Vale lembrar que Liziero esperou acertar com a Elenko Sports para renovar seu contrato com o São Paulo e a empresa foi uma das que mais negociou no mercado europeu na última janela, incluindo a famigerada negociação de Malcom com o Barcelona.

No tricolor desde os 12 anos de idade, Liziero é 100% do clube e em caso de uma transferência na próxima janela, o São Paulo, além do dinheiro da venda, ainda teria direito a 3,5% de uma futura nova transferência internacional pelo mecanismo de solidariedade.

Até a próxima janela de transferências muita coisa pode acontecer, mas hoje, segundo as pessoas mais próximas de Liziero, uma saída em janeiro é uma possibilidade gigantesca e a grande esperança é que seja com uma proposta que realmente esteja a altura da importância dele para o São Paulo.

About Gabriel Fuhrmann

Jornalista formado desde 2011, especializado em futebol de base. Repórter da São Paulo FC Digital
This entry was posted in Promessas do futebol. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>